A Casa Dourada do imperador

Imediatamente após o incêndio de 64 d.C., que destruiu a maior parte do centro de Roma, o imperador Nero quis uma nova residência, muito maior e mais luxuosa do que a do monte Palatino. Tinha paredes em mármore e abóbadas decoradas com ouro, marfim e pedras preciosas, e foi chamada de Domus Aurea (a Casa Dourada). Era perfeita para festas e banquetes suntuosos.

casa-dourada_Nemo_1
(foto storiadigitale.Zanichellipro.it)

O enorme complexo palaciano possui área de 50 hectares e foi concebido como um lugar para entretenimento, com mais de 300 quartos, vinhas, bosques, e até mesmo um grande lago artificial, tudo enfeitado com tesouros trazidos de várias cidades do Oriente, preciosas estátuas e fontes. Uma estátua de bronze do imperador Nero, representado como o do Deus Sol (conhecida como “O Colosso”), com 35,5 m de altura, foi colocada na entrada principal.

casa_dourada_Nemo3
Afresco (foto wikidi.com)

Depois do suicídio de Nero (68 d.C.), seus sucessores tentaram remover todos os vestígios da Casa Dourada: tiraram os ornamentos dos quartos, e a casa foi entulhada. No meio dos terrenos do palácio, foram construídas as Termas de Tito e Trajano, e o Coliseu.

casa_dourada_nero_4
(foto wikidi.com)

O palácio ficou enterrado durante séculos, até que, no final do século XV, um rapaz caiu, inadvertidamente, em um buraco na base da encosta do monte Aventino, e encontrou-se em um labirinto subterrâneo. Traumatizado, mas aliviado por estar vivo, o menino olhou para cima e viu os afrescos em cores brilhantes. A Casa Dourada do infame imperador Nero tinha sido descoberta, e logo depois, durante o Renascimento, muitos artistas começaram a copiar os motivos das cavernas.

O site está fechado por questões de segurança, pois as obras para a consolidação e restauração da área ainda estão em andamento. As ruínas da Casa Dourada estão ameaçadas principalmente pela umidade, e as fortes chuvas que causam desabamentos. O atual ministro da Cultura anunciou em junho que uma nova fase de restauração vai durar quatro anos e custará cerca de 31 milhões de euros (por volta de R$ 94,82 milhões), e lançou um projeto para captação de recursos.

domus-aurea-Nero-3
(foto orientalist-art.org)

Porém o canteiro está acessível aos sábados e domingos a partir do 26 de outubro até o 8 de março de 2015, das 9:00 horas às 18:00 (última entrada às 15:45). Só existem visitações guiadas em espanhol, inglês e francês, para grupos de até 25 pessoas. Não é possível fazer passeio livre, os visitantes devem permanecer com o grupo e com o guia durante todo o tempo.

A compra de ingressos é feita online pelo menos com um dia de antecedência.

A entrada é € 10,00 por pessoa + € 2,00 para a reserva. A Casa Dourada é um dos sites cuja entrada é gratuita no primeiro domingo do mês.

É recomendável o uso de sapatos confortáveis e casaco.

Veja como era a Casa Dourada

Leia mais

Sobre os afrescos na Casa Dourada

 

About The Author

Related posts

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *